Desde fevereiro houve zonas da freguesia de Santo António dos Cavaleiros em que a água faltou em mais de 12 dias. Ou seja em cada três dias houve um dia em que faltou a água o que é inadmissível já que estamos a falar de um bem essencial.

O que tem ocorrido são ruturas constantes que obrigam a cortes de abastecimento.

Ruturas que decorrem de mais de uma década de desinvestimento na substituição de condutas por opção da gestão do partido Socialista nos SMAS que contou sempre com os votos contra da CDU na Câmara e na Assembleia Municipal de Loures.

 

A população está farta desta situação.

A CDU sublinha também que o mesmo Partido Socialista, que não investiu nos SMAS, aumentou a fatura da água para o dobro na última década.

Foi um aumento de 100% na fatura da água.

Preocupada com esta situação a CDU questionou já o Presidente da Câmara que é também Presidente dos SMAS, sobre como iria resolver este problema, tendo este informado que é necessário adquirir equipamento para resolver as ruturas constantes.

A CDU tudo fará para que esta situação não se arraste nos gabinetes dos Administradores dos SMAS.

Para a CDU o investimento nos SMAS e o aproveitamento dos seus recursos humanos é condição essencial para resolver estes e outros problemas que afetam a população.

É bom lembrar que os SMAS foram uma referência nacional, referência que o PS pretende destruir conforme o comprova a decisão da Câmara Municipal de Odivelas de privatizar um bem essencial, a água.

Tal decisão contará com o combate da CDU na defesa de uns SMAS públicos com um serviço de qualidade.

Share/Save/Bookmark