Face à continuada atitude de prepotência e falta de respeito para com as regras democráticas e pelos eleitos da oposição, por parte da maioria do PS na Junta de Freguesia da Bobadela, os eleitos da CDU na Assembleia de Freguesia solicitaram a intervenção do Tribunal de Contas (TC) e da Inspecção Geral das Autarquias Locais (IGAL), no sentido de repôr a legalidade na gestão da autarquia.

A maioria PS não apresenta os documentos de Prestação de Contas da Junta de Freguesia conforme determina a lei e através a sua maioria absoluta na Assembleia de Freguesia impõe a votação de documentos que nem sequer são distribuídos aos eleitos.

 

A CDU exige transparência na gestão e respeito pelas regras democráticas. O executivo PS da Junta de Freguesia tem que prestar contas à oposição e à população da Bobadela!

Às entidades fiscalizadoras exige-se uma actuação firme que conduza à reposição da legalidade e transparência na gestão da Junta de Freguesia da Bobadela.

Ver artigo relacionado:
- Junta de Freguesia da Bobadela não cumpre a lei e peca por falta de transparência»»

Share/Save/Bookmark

SIGA-NOS NO FACEBOOK

SAIU O AVANTE

FESTA DO AVANTE

festadoavante-cartaz2018.jpg

ADERE AO PCP

adere_orl_pcp_2014.jpg

NEWSLETTER



Receber em HTML?

PROCURAR NA PÁGINA